Voltar ao menu principal

QUIXABA

 

http://t0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSCfv4bcIs286li2JujD-eUVrdtNDE4Kwdh160Du2KnexNhnlZy

http://t3.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcQUP8LPdjvLd5U4jo-Uidl3SS0Z6Kztzg4kUqU5r7l87J88FLCJYw

http://t3.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTsQ6erHC5oa4arBVwgN7959mMYuH9PQwOXoDLA4dztuPZV83JS

http://t3.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcRVnrdDAKXi1AY7tAtpWrEoIvK0WtE6qnCSbmKHEooNOAehaBPF

http://www.e-jardim.com/adm/fotos/sapotiaba%202.JPG

 

DESCRIÇÃO: A Quixabeira (Sideroxylon obtusifolium) é uma árvore de até 15 m , da família das sapotáceas, nativa do Brasil, mais precisamente dos estados do Piauí e de Minas Gerais. A madeira é dura; a casca tem propriedades adstringentes e tonificantes; as folhas e os frutos são forrageiros. Na época das secas, serve de alimento para o gado e sua casca tem propriedades tônicas, adstringentes e antidiabéticas. Possui espinhos fortes, folhas coriáceas, flores aromáticas e bagas roxo-escuras, doces e comestíveis. É conhecida ainda pelos nomes de quixaba, quixaba-preta e rompe-gibão. 

INDICAÇÃO: Chá de Quixaba => tem propriedades tônicas, adstringente, diabetes, rins e problemas de coluna.

COMO FAZER: 2 colheres de sopa para um litro de água. 
Deixe cozinhar por cerca de 10 a 15 minutos a partir do momento em que se inicia a ebulição, após esse tempo retire do fogo e deixe repousando por 10 minutos. Coe e está pronto para o uso.
 

COMO BEBER: Tomar 2 a 3 xícaras ao dia

Frutas Exóticas - Quixaba

 

Bumelia sertorum Mart., é uma árvore que pode alcançar até 15 m de altura, armada de fortes espinhos, tendo a ponta dos galhos pendentes e espinhosos. Suas flores são alternas e simples, e suas flores perfumadas e pequenas. Seu fruto é uma baga de coloração roxo-escura, quase negra quando  está madura, adocicada, contendo uma semente.
Sua madeira é muito empregada na construção civil e marcenaria.  Habita a Caatinga, costa litorânea do Ceará ao Rio Grande do Sul, restinga, Pantanal, vale do São Francisco. Na medicina popular, suas cascas são adstringentes, antiinflamatória, tônicas e antidiabéticas. Combate gripe, gastrite, dor nos rins.

Também conhecida como quixabeira e rompegibão, está sendo investigada para aplicação no combate à diabetes melitus.

http://1.bp.blogspot.com/_ND_6Vzh9HsQ/TAlIUQuMMkI/AAAAAAAABtI/v1uZmxhdXGI/s200/quixabaflor.jpgSeja seca, seja verde, os caatingueiros, ao passarem perto de uma quixabeira, miram atentos a formação de seus galhos, e neles vão procurando pau bom para cabo de enxada, para cabo de machado. Se é seca, e se a seca aperta, afiam os facões, os machados, tomam o rumo de um pé de quixabeira, açoitam golpes nos galhos altos. De longe, a criação ouve a batida de madeira em corte, toma a direção do rumo da zoada, para disputar as folhas encravadas no meio dos espinhos. A cada galha tombada, o atropelo sem estilo da criação na procura da solução da fome. 
Quixabeira - Esmeraldo Lopes

 

 

Pedido Fone 43 3325 5103

Pedido