image002

Voltar ao menu principal

MARROIOcomo montar uma loja virtual

Marroio

 

Resultado de imagem para MARROIO planta"

Resultado de imagem para MARROIO planta"

Resultado de imagem para MARROIO planta"

 

8 Benefícios do Marroio – Para Que Serve e Propriedades

 

Você já ouvir falar do marroio? Conhece a hortelã-do-maranhão, hortelã-da-folha-grossa, hortelã-grande ou marroio-branco? Estes são os outros nomes pelas quais a planta medicinal também é conhecida.

Originária da Europa e da Ásia, ela também pode ser encontrada na América do Norte e na América do Sul. A planta consegue crescer em terrenos secos e com pouca exposição solar, é aromática e pode chegar a atingir os 60 centímetros de altura, conforme informou o site Chá Benefícios.

As propriedades do marroio 

O Marrubium vulgare (nome científico da planta) é conhecido por apresentar as seguintes propriedades:

·         Antipiréticas – atuam na diminuição da febre;

·         Expectorantes;

·         Anti-inflamatórias;

·         Diuréticas;

·         Estimulantes para o coração;

·         Digestivas;

·         Coleréticas – que aumentam a secreção biliar;

·         Antissépticas;

·         Fluidificantes – que diluem;

·         Tônicas para o estômago;

·         Antitussígenas – que combatem a tosse;

·         Antiespasmódicas.

Para que serve. 8 benefícios do marroio 

1. Auxílio ao controle do colesterol

De acordo com o Organic Facts, pequenas doses do extrato de marroio tomadas frequentemente contribuem com o controle dos níveis de colesterol, combatendo o colesterol ruim (também conhecido pelo nome de LDL).

Isso é importante porque níveis altos de colesterol no organismo aumentam os riscos de ataque no coração e acidente vascular cerebral (AVC).

·         Veja mais: Dicas de dieta para colesterol alto.

2. Diminuição dos níveis de açúcar no sangue

Pesquisadores identificaram que quando a planta tem contato com o organismo, o corpo melhora a sua capacidade de lidar com grandes entradas de glicose. Isso acontece sem que o organismo fique lotado de açúcar e sofra com os picos e quedas dos níveis de glicose no sangue.

Entretanto, antes de usar a erva para auxiliar o tratamento de diabetes, recomendamos que consulte o médico para se certificar de que ela é realmente indicada e benéfica para o seu caso.

3. Redução da toxicidade do corpo

Este efeito é observado graças ao fato do marroio induzir o suor no corpo. Por meio do suor são eliminadas toxinas, o excesso de água e gordura e outras substâncias nocivas que podem culminar no desenvolvimento de doenças.

4. Efeito antiespasmódico

Graças ao seu efeito antiespasmódico, a planta medicinal ajuda a acalmar o sistema nervoso e auxilia o combate de problemas relacionados aos espasmos como: convulsões e contrações musculares.

5. Alívio de sintomas da menstruação

O marroio também é considerado um aliado das mulheres que sofrem com sintomas indesejáveis durante o período da menstruação. De acordo com o Organic Facts, a erva pode ajudar a aliviar as cólicas intensas e a melhorar o humor ou diminuir as alterações de humor.

6. Efeito anti-inflamatório e anticâncer

Um estudo divulgado na edição de janeiro de 2006 do Oncology Reports avaliou o marroio em um experimento realizado com uma cultura de tecidos humanos com células de câncer colorretal.

A pesquisa mostrou que o extrato da planta causou a morte prematura dessas células e inibiu a inflamação, que está associada justamente à promoção do desenvolvimento do câncer. Para os pesquisadores, os resultados embasam o tradicional uso da planta medicinal como agente anti-inflamatório e indicam que ela possui um potencial efeito anticâncer.

Além disso, outro estudo – dessa vez divulgado em janeiro de 2010 na publicação Planta Medica – identificou o marroio como detentor de um composto que pode colaborar com a prevenção e o tratamento da leucemia.

Obviamente, quem possui a doença deve consultar o médico antes de colocar a planta medicinal como parte integrante de seu tratamento.

7. Auxílio ao tratamento de gripes e resfriados

O marroio pode ser útil para auxiliar o tratamento de sintomas relacionados aos resfriados e gripes. A planta ajuda a soltar o catarro e a acalmar tosses e resfriados.

Também existem terapias alternativas que indicam a erva para aliviar pequenos problemas respiratórios oriundos da bronquite e da sinusite.

8. Saúde do sistema digestivo

A planta medicinal é utilizada em algumas partes da Europa como forma de contribuir com o tratamento de indigestão e desconfortos estomacais que surgem em decorrência dos gases e do inchaço.

Como fazer chá de marroio 

Ingredientes:

·         1 colher de sobremesa de folhas e flores secas de marroio;

·         1 xícara de água fervente.

Modo de preparo:

1.   Colocar as folhas e flores da planta dentro da xícara de água fervente;

2.   Tampar e deixar repousar durante 10 minutos. Em seguida, coar e servir-se.

Cuidados com o marroio 

A planta medicinal não deve ser utilizada por crianças, mulheres que estejam grávidas, mães que se encontram em processo de amamentação de seus bebês e pessoas que tenham cálculo biliar. Também é importante saber que a erva pode piorar o quadro de problemas estomacais graves e de úlceras.

Quando é ingerido em altas doses, o marroio pode causar problemas no coração como arritmia e a indução de irregularidades cardíacas. O uso recomendado da planta é de uma colher de sobremesa com água na forma de chá duas vezes ao dia.

Caso esteja utilizando algum tipo de medicamento, é aconselhável perguntar ao médico se pode fazer uso do marroio para verificar se não existem riscos de interação entre a erva e o remédio em questão.

Além disso, antes de utilizar o marroio para auxiliar o tratamento de qualquer condição, cheque com o seu médico. Não substitua as indicações do médico apenas pelo uso da erva pois isso pode prejudicar seriamente a sua saúde, especialmente se estivermos falando de doenças graves, em que há o risco de morrer.