image002

Voltar ao menu principal

Lúpulo

 

Resultado de imagem para chá delupulo  para que serve"

Lúpulo (Humulus lupulus)

O lúpulo é uma planta medicinal, também conhecida como Engatadeira, Pé-de-galo ou Vinha-do-norte, muito utilizada para fazer cerveja, mas que também pode ser usada na preparação de remédios caseiros para tratar distúrbios do sono, por exemplo.

O seu nome científico é Humulus Lupulus e pode ser comprada em lojas de produtos naturais e farmácias de manipulação.

Para que serve o Lúpulo

O Lúpulo serve para ajudar no tratamento de agitação, ansiedade e perturbações do sono, atuando também como anti-espasmódico em caso de cólicas menstruais.

Propriedades do Lúpulo

As propriedades do Lúpulo incluem sua ação calmante, antiespasmódica e sonífera.

Modo de uso do Lúpulo

As partes usadas do Lúpulo são os seus cones, que são semelhantes a flores, para fazer cerveja ou chás.

·         Chá: Colocar 1 colher (de chá) de lúpulo em uma xícara de água fervente e deixar descansar por aproximadamente 10 minutos. Coar e beber antes de dormir.

Efeitos colaterais do Lúpulo

Os efeitos colaterais do Lúpulo incluem sonolência e diminuição da libido, quando consumido em excesso.

Contra indicações do Lúpulo

O Lúpulo está contraindicado durante a gravidez e amamentação, assim como para pacientes com diabetes ou câncer.

 

O lúpulo é uma planta com uma raiz robusta, folhas em forma de coração e flores em forma de cone. Os Romanos comiam os novos rebentos na primavera, do mesmo modo que nós comemos espargos. O lúpulo foi primeiro utilizado nas fábricas de cerveja na Holanda nos princípios do século 14. O lúpulo é usado tradicionalmente para distúrbios nervosos.

O uso terapêutico do lúpulo na Europa data pelo menos do século 9. Antes disso era usado para o fabrico de cervejas e pães, e também como vegetal para as saladas (DeLyser e Kasper, 1994).

Na Alemanha, o lúpulo tem licensa de chá medicinal, e cerca de 70 sedativos contêm extracto de lúpulo. Na Alemanha e nos Estados Unidos, as infusões, tinturas e extractos secos de lúpulo são usados em preparados sedativos para a ansiedade e o nervosismo (Leung e Foster, 1996; Wichtl e Bisset, 1994).

Efeitos

O lúpulo pode ser usado para distúrbios de disposição tais como o nervosismo e a ansiedade, assim como distúrbios do sono.

O compêndio de revas britânico indica o seu uso para excitação, nervosismo, distúrbios do sono, e falta de apetite (Bradley, 1992). A licensa alemã para o chá de lúpulo indica o seu uso para distúrbios como o nervosismo e desordens no sono (Braun, 1997).

Uso

Toma uma gota cerca de uma hora antes do efeito desejado. A dose pode ser aumentada e misturada com outras ervas calmantes, tais como a valeriana e/ou o maracujá.

Ingredientes

Óleo-resina de lupulina (resina líquida – extracto de CO2).

10 fatos incríveis que você precisa saber sobre o lúpulo

O lúpulo é um dos ingredientes mais conhecidos na produção da cerveja, principalmente pela sua função de ser o grande responsável pelo amargor característico da bebida. Já falamos aqui no blog da Opa Bier sobre a ação dessa flor na fabricação das cervejas. Clique para ler o artigo.

Agora, iremos explorar abaixo as curiosidades sobre a planta, que vão muito além da produção de cerveja. Ficou curioso? Continue a leitura.

1. O lúpulo tem propriedades antibióticas

lúpulo tem propriedades antibióticas

Isso mesmo! Funciona, inclusive, como um ótimo conservante para a cerveja, pois evita a contaminação por bactérias. Também é muito resistente a pragas.

2. O lúpulo é consumido como salada

lúpulo consumido como salada

Em pequena escala, o lúpulo é produzido também como forma de alimento, para saladas. Nesta forma, é conhecido como “aspargo de lúpulo”, devido à semelhança com o vegetal.

3. A planta utilizada na produção de cerveja é menina

lúpulo na cerveja feminino

No processo de fabricação das cervejas, só é utilizada a flor do lúpulo, que pertence ao gênero feminino.

4. O cultivo do lúpulo é recente no Brasil

Cultivo de lúpulo no Brasil

O cultivo da planta de origem europeia chegou ao solo brasileiro em 2014, em uma fazenda paulista, na região da Serra da Mantiqueira. Esse fato é uma conquista para o país, já que há poucos locais no mundo onde o cultivo obtém sucesso, devido à necessidade de um clima bastante específico para a planta.

5. O lúpulo é uma planta trepadeira

lúpulo é uma planta trepadeira

Nem todos sabem, mas o lúpulo é uma planta do tipo trepadeira, cultivada verticalmente. Também é utilizado como planta ornamental, em jardins nas regiões com clima favorável.

6. Pode levar até 3 anos para atingir a maturidade

maturidade lúpulo opa bier

A flor leva em torno de 3 anos para atingir seu ponto ideal de uso, que é quando suas propriedades atingem o ápice na formação de amargor e aroma para as cervejas.

7. O lúpulo é parente da maconha

lúpulo parente da maconha

Sim! Literalmente, pertence à mesma família: Cannabaceae, porém, o lúpulo não tem propriedades alucinógenas em nenhuma forma de consumo.

8. É legitimamente alemão

lupulo-e-alemao

Os primeiros registros do cultivo de lúpulo são do século VIII, na região onde hoje está a Alemanha. Ainda nos dias atuais, o país é o maior produtor mundial.

9. É um relaxante natural

lúpulo é um relaxante natural

O lúpulo pode ser colocado no travesseiro para promover uma boa noite de sono, pois funciona como um relaxante natural. Outra forma de utilizar a planta como calmante é na forma de chá.

10. É fatal para cães e gatos

lúpulo é fatal cães e gatos

O contato não é comum, mas, para quem produz cerveja em casa, vale a pena informar. O lúpulo jamais deve ser ingerido por seu cão ou gato, pois é altamente tóxico para eles, provocando ataque epilético, problemas no coração e pode até causar a morte.

Gostou das curiosidades sobre o lúpulo? Se sentiu falta de alguma, escreva pra gente nos comentários